Artesanato.... Vários trabalhos.

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Poesia


Em certo dia
A Virgem Maria
Disse para os anjos:
Vou viajar
E eles pressurosos
Todos a queriam acompanhar
Quero dar a volta ao mundo
Disse num suspiro fundo
Há tantos pobres a animar
Doentes a consolar 
Crianças a beijar
E..................
Então a virgem mãe
Numa formosa manhã
Do céu á terra desceu
A este mundo
Que é tão seu
Andou por montes e vales
Andou por vilas e aldeias
Visitou castelos de ameias
E húmildes casas térreas
E a Senhora caminhava
Deixando
Um rasto de luz
Parecia dizer á gente
É a mãe de Jesus
E os Anjos em revoada
Mal a podiam seguir.
É longa a caminhada?
Senhora?
Onde quereis ir?
Quero ver o mundo inteiro
Ainda não cheguei ao fim
Quero sentir o doce cheiro
De Portugal
Que é um jardim
E Maria sentou-se
Na dobra do penedo
E o seu terno olhar
Espalhou-se
Para além do áspero rochedo
Mas soprava o vento agreste
E os Anjos cautelosos
Disseram para a mãe celeste
Senhora.........................
Não temeis sítios tão ventosos
Disse Maria
Com o meu Manto
Farei um toldo
Que abrigue bem
Eo Manto Azul estendeu-se tanto
Que cobriu as terras de além
Espalhou-se de Norte a sul
De nascente a poente
E em Portugal
Não houve terra nem gente
Que não se cobrisse
Com o Toldo azul
Desde então
Todos á porfia
Dizem que é lindo o céu de Portugal
Que admira
Pois é Ele o manto real da Virgem Santa Maria
Recados Para OrkutGOSTAM?

Etiquetas: